Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Meio Ambiente

Acesse informações técnicas sobre a gestão ambiental na atividade agropecuária em Minas Gerais.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Apicultura ganha comissão e elenca desafios do setor

COMISSÕES TÉCNICAS
ESCRITO POR JANAINA ROCHIDO, DE BELO HORIZONTE
30/05/2023 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, FAEMG

Desafios com formalização da produção, mortandade de abelhas e comercialização são os principais desafios da recém-criada Comissão Técnica de Apicultura do Sistema Faemg Senar, que realizou sua primeira reunião na segunda-feira (29), em Belo Horizonte. A apicultura é uma cadeia que vem crescendo em representatividade no agro, mas ainda precisa de apoio para estruturar apiários e aprimorar a gestão dos negócios.

O presidente da nova CT é Cezar Ramos Júnior, de Bambuí. Para ele, a comissão é uma oportunidade de “fazer diferente” e desenvolver projetos para o segmento. “São vários desafios e demandas porque o estado é bem grande. Um dos maiores é o mercado, então pode ser que isso incentive a organização do setor com regularização, rastreabilidade e tributos”, analisa.

Cezar Ramos Júnior, presidente da nova comissão

A comissão é formada por apicultores, instrutores e técnicos de campo do Senar, representantes de Sindicatos Rurais e analistas do Sistema Faemg. Cezar ressalta que, com esse grupo, será possível apoio para trabalhar em todas as frentes. “Vamos precisar de cada um representando a comissão em sua região, divulgando regionalmente as ações e o trabalho dos Sindicatos”, disse.

“A comissão tem grandes condições de crescimento e vai potencializar o mel e seus derivados, que passaram a ser ainda mais consumidos na pandemia, especialmente a própolis”, avaliou Antônio Pitangui de Salvo, presidente do Sistema Faemg. Ele e o vice-presidente de Secretaria, Ebinho Bernardes, compareceram à reunião e ressaltaram que a criação da comissão é um marco para o Sistema Faemg e para os apicultores mineiros.

Participantes da 1ª reunião da CT

Incentivo do ATeG

Para Lucas Oliva, analista de Assistência Técnica e Gerencial do Sistema Faemg que acompanha o grupo, a iniciativa é um avanço muito grande, posto que a meta das comissões é detectar os gargalos de cada cadeia e trabalhar para resolvê-los. “A partir da agora, pretendemos que as ações avancem nesses próximos dois anos para alavancar a apicultura no estado. Sabemos das dificuldades, então precisamos nos unir, como instituições, para avançar”, ponderou.

O incentivo à formalização das vendas e regularização dos apiários também faz parte do trabalho de assistência técnica e gerencial feito pelo Programa ATeG Apicultura, como contou Lucas. “Em quatro anos de trabalho, já assistimos mais de 1.000 produtores e os técnicos são orientados a explicar como tudo funciona e incentivar os apicultores a se formalizarem”.

Lucas Oliva, analista técnico de ATeG

Setor em evidência

A apicultura vem ganhando projeção dentro e fora de Minas Gerais, como mostram dados da Emater-MG e do Balanço do Agronegócio, produzido pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa). A receita das exportações mineiras alcançou US$ 20,5 milhões, em 2022, o que representou um salto de 25% em relação ao ano anterior. De janeiro a dezembro do último ano, a média de preços pagos aos produtores no mercado interno, de acordo com levantamento da área de comercialização da Emater-MG, apresentou altas em todos os meses, em relação a 2021. No acumulado de 2022, o preço médio foi 28,8% maior do que nos 12 meses do ano anterior, conforme a Seapa.