Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Meio Ambiente

Acesse informações técnicas sobre a gestão ambiental na atividade agropecuária em Minas Gerais.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Nascentes recuperadas: água e sustentabilidade

SUSTENTABILIDADE
ESCRITO POR IZABELLA MACHADO, DE ARAÇUAÍ
11/11/2022 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR, INAES, FAEMG
Produtores rurais durante o curso de Recuperação de Nascentes

“Mais água, qualidade de vida e de produção nas propriedades rurais”. De acordo com o gerente regional do Sistema Faemg Senar em Araçuaí, Luiz Rodolfo Antunes Quaresma, essa é a garantia que uma nascente pode dar ao produtor que a preserva. Além disso, ela é também “uma alternativa adicional que garante, de alguma forma, segurança hídrica no futuro”.

Para favorecer as atitudes de preservação do meio ambiente e complementar as políticas de sustentabilidade aplicadas em todo o mundo, o Sistema Faemg Senar retornou com o curso de Recuperação de Nascentes com um escopo para oferecer mais confiança aos alunos.

“Foi necessário adequar nossa metodologia para atender a legislação ambiental e estamos muito satisfeitos em levar conhecimento que promove o uso sustentável dos recursos naturais e sua proteção”, ressaltou a Gerente de Sustentabilidade do Sistema Faemg Senar, Mariana Pereira Ramos.

O analista técnico em Formação Profissional Rural do Sistema Faemg Senar, Alexandre de Matos Martins, explica que os cursos têm o objetivo de capacitar os produtores rurais para lidar também com a parte burocrática.

“O intuito é oferecer um conjunto de cursos onde o instrutor possa orientar os produtores na aquisição das licenças ambientais necessárias e obrigatórias, imprescindíveis para os trabalhos”, explicou ele que relembrou “a felicidade dos produtores ao ver a recuperação da nascente que estava em processo de degradação”.

Antes da recuperação

Água limpa

A produtora rural Rosa Francisca Gomes viu novamente “a água limpa” em sua propriedade, na comunidade quilombola Morrinhos. “Como a região possui diversas nascentes que sofreram degradação, eu acredito que muita gente, a partir de agora, vai conseguir fazer o mesmo. Agora é água de qualidade de novo! O curso veio trazer benefícios não só para mim, mas para todos”, comemorou.

Rosa contou que mora na fazenda há 35 anos e na comunidade é comum as nascentes abastecerem várias famílias. “Aqui tem uma que abastece 60”, ressaltou. Para ela, é urgente a necessidade de se entender sobre o impacto de atitudes que não são coerentes com a sustentabilidade. “A maioria das pessoas não se preocupa com o amanhã e desmata descontroladamente. Depois, fala que não desmatou e secou do nada. Sabemos que na maioria das vezes, a nascente seca pela falta de consciência ambiental e informação”.

Assim como Rosa, a gerente de sustentabilidade Mariana Ramos explica sobre a necessidade de preservar as nascentes até mesmo como forma de sobrevivência. De acordo com ela, “por meio da educação ambiental, conscientização e entendimentos das normas para proteção das áreas que devem ser preservadas, é que poderemos evoluir”.

Depois da recuperação da nascente