Compartilhe


Sistema Faemg Senar marca presença na Expocafé 2024

CAFEICULTURA
ESCRITO POR KAROLINE SABINO, DE VARGINHA
07/06/2024 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR, FAEMG

O Sistema Faemg Senar, em parceria com o Sindicato Rural de Três Pontas, marcou presença na Expocafé 2024, a maior e mais tradicional feira da cafeicultura no Brasil. Reconhecida como a principal fonte de difusão de tecnologias no setor, a Expocafé atrai anualmente cafeicultores, representantes da indústria e diversos visitantes, consolidando-se como um evento importante no calendário da cafeicultura brasileira.

Durante a solenidade de abertura, o diretor do Centro de Excelência em Cafeicultura, Roberto Barata, destacou o papel fundamental do Sistema Faemg Senar no apoio à cafeicultura. “É uma feira que conheço desde as primeiras edições e, atualmente, conseguimos ver o grau de profissionalismo que o café atingiu e tem tudo para crescer muito mais. O curso técnico em cafeicultura é um exemplo do compromisso com a formação de profissionais qualificados, garantindo a continuidade do desenvolvimento do agronegócio café no Brasil”, explicou.

Roberto Barata (de pé) na abertura da Expocafé 2024

O gerente regional do Sistema Faemg Senar em Varginha, Caio Oliveira, explica que a participação é uma oportunidade para apresentar os produtos e serviços oferecidos pelo Sistema que contribuem para o fortalecimento do setor cafeeiro. “O Sistema Faemg Senar traz o componente do conhecimento, da formação técnica e da qualificação profissional, destacando a importância de preparar os produtores para utilizar tecnologias e inovações apresentadas na feira”, disse.

Da esquerda para direita: diretora do Sindicato dos Produtores Rurais de Três Pontas, Laís Reis, agente de desenvolvimento rural do Sindicato dos Produtores Rurais de Três Pontas, Antônio Afonso de Oliveira, presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Três Pontas, Leonardo Sandy Reis, chefe de gabinete na Secretaria de Estado de Agricultura Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Rodrigo Carvalho Fernandes, coordenador regional do IMA em Varginha, Marden Donizzete Souza, agente de desenvolvimento do Sindicato Rural de Varginha, Diego Carvalho Cauvilla e o integrante do Sindicato dos Produtores Rurais de Três Pontas, Luís Fernando

Estande do Sistema Faemg Senar inspira novos produtores

Durante os três dias de feira, o estande do Sistema Faemg Senar se tornou um ponto de encontro para produtores rurais. Francesco Zanotto, italiano residente em Contagem há 20 anos, possui uma propriedade em Passa Tempo. Para ele, o bate-papo com o supervisor do ATeG Café + Forte, Krauss Alvarenga Cabral, foi um incentivo para começar a plantar café em sua fazenda.

O casal Francesco Zanotto e Vanderleia Bull com o supervisor do ATeG Café + Forte, Krauss Alvarenga Cabral (à direita)

“O técnico me deu uma aula. Conversar com quem tem domínio do assunto é outro nível, é animador. Ele me apresentou o Programa ATeG e já quero participar. Vou iniciar na cafeicultura e contar com o apoio do Sistema Faemg Senar vai ser fundamental”, contou.

Empório e protagonismo feminino no estande

Outra atração de grande sucesso no estande foi o empório de produtores rurais de Três Pontas, que reuniu cinco produtores locais das culturas de café, mel e artesanato. No empório, os visitantes tiveram a oportunidade de degustar cafés especiais e adquirir produtos diretamente dos produtores, promovendo a valorização do trabalho local e a qualidade dos produtos regionais.

Uma das produtoras participantes do empório foi Danielle Tardioli Miranda, da Florada de Minas. Ela é a terceira geração de produtores e, há quatro anos, deixou a arquitetura para se dedicar à produção de café e mel. Para ela, a ação foi uma oportunidade para gerar visibilidade aos seus produtos, realizar novas vendas e agregar valor à sua marca. “Sou uma pequena produtora e expor meus produtos para tantas pessoas que passam por aqui é excelente. Além disso, a feira permite ampliar minha rede de contatos e mostrar a qualidade e o diferencial do que produzo”, disse.

Mel e café da marca Florada de Minas

As mulheres protagonistas também marcaram presença. O Sindicato Rural de Boa Esperança (Sindiboa) organizou uma visita para cerca de 20 participantes da iniciativa “Mulheres do Agro de Boa” ao estande do Sistema Faemg Senar. Foi uma oportunidade para troca de experiências, fortalecimento da presença feminina no agronegócio e para conhecerem mais sobre as iniciativas do Sistema que visam impulsionar ainda mais a participação feminina no setor.

O gerente regional Caio Oliveira (à esquerda) com as mulheres participantes do evento

Para a diretora do Sindicato dos Produtores Rurais de Três Pontas, Laís Oliveira Reis, a presença do Sindicato na feira é essencial para que os produtores se sintam acolhidos. “Não é um estande apenas de compra e venda de produtos, é um local onde eles podem passar a tarde, desfrutar de um café fresquinho e trocar experiências com outros produtores”, finalizou.

}