Compartilhe


Mulheres do agro debatem liderança e educação

ENCONTRO
ESCRITO POR CRISTIANE MENDONÇA, ASCOM
20/06/2024 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR, INAES, FAEMG
Mais de 200 pessoas participaram do Encontro das Líderes do Agronegócio

As mulheres foram as protagonistas, nesta quinta-feira (20), no Sistema Faemg Senar. Mais de 200 pessoas participaram do Encontro das Líderes do Agronegócio, um evento organizado pela Gerência da Mulher, do Jovem e de Inovação com apoio da Comissão de Direito do Agronegócio de Minas e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Representantes de quatro estados estiveram presentes ao evento que abordou temas sobre liderança, educação e a representatividade feminina no agro.

Encontro que, segundo o presidente do Sistema Faemg Senar, Antônio de Salvo, faz com que as mulheres sejam multiplicadoras do conhecimento em suas propriedades. “Reunimos hoje as lideranças femininas, e isso é muito bom, porque entendemos a necessidade da presença das mulheres dentro do agronegócio, participando ativamente ao lado do produtor rural, mostrando um outro olhar. E hoje, após um dia inteiro de debates, que elas possam voltar para suas propriedades e multiplicar o que foi aprendido aqui”, avalia.

Quase 1 milhão de propriedades rurais no Brasil são dirigidas por mulheres, segundo o último Censo Agropecuário feito pelo IBGE. Número que mostra a importância de promover eventos que promovam a conexão entre esse público.

“Ao reunirmos as lideranças femininas queremos fortalecer a imagem positiva do agro, mostrando a relevância e o impacto da mulher no trabalho dentro e fora de porteira”, avalia a gerente, Silvana Novais.

A gerente da Mulher, do Jovem e de Inovação, Silvana Novais ao lado da Diretoria do Sistema: “Evento fortalece e dá protagonismo às mulheres do agro”.



Palestras
Ao longo do dia várias palestrantes compartilharam experiências sobre liderança, representatividade e educação participativa.

Com o título “Transformação Agrohumana”, a professora na Universidade Federal de Viçosa (UFV) e fundadora da startup WantU-Agro Raquel Menezes falou sobre o papel da liderança de mulheres na sustentabilidade e inovação no agronegócio.

As presidentes das comissões das Mulheres da CNA, Stefani Ferreira; da Faemg Mulher, Lílian Laugthon; e do Direito do Agro na OAB/MG, Valéria Lemos, abriram as atividades da tarde falando sobre a importância desses grupos para o fortalecimento do trabalho das mulheres no campo.

Representantes das comissões das Mulheres da Faemg e da CNA



Stéphanie Ferreira falou sobre sua trajetória desde quando ingressou na CNA Jovem até se tornar presidente da Comissão Nacional de Mulheres do Agro da Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA).

A idealizadora do projeto “De olho no material escolar”, Ana Nery, abordou a educação no Brasil e como os conteúdos pedagógicos são importantes na construção de uma imagem positiva do agro para as futuras gerações.

O projeto Agro na Escola do Sistema Faemg Senar, que compartilha com crianças de escolas públicas conhecimentos sobre as cadeiras produtivas e a importância do setor para colocar o alimento na mesa, foi apresentado pela analista Michelle de Paula.


Ainda no tema Lideranças que educam, a coordenadora pedagógica do Sistema, Cristiane Trigueiro, foi mediadora de uma roda de conversa com as integrantes da Comissão Faemg Mulher Viviane Cunha e Juliana Rezende Mello.

Autoridades

Autoridades e políticos participaram da abertura do evento

Estiveram presentes os vice-presidentes do Sistema, Renato Laguardia e Ebinho Bernardes; o superintendente do Senar Minas, Celso Furtado Jr.; a deputada federal, Greyce Elias; o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas, Thales Fernandes; a deputada estadual Ludmila Falcão; o presidente da OAB Seção MG, Sérgio Rodrigues Leonardo; o presidente da OAB – CAA Minas Gerais, Gustavo Chalfun; e a presidente da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador, Cristiana Gutierrez.

Veja as fotos do evento aqui

}