Compartilhe


Minas Novas: um tesouro no turismo rural

CAPACITAÇÃO
ESCRITO POR IZABELLA MACHADO, DE ARAÇUAÍ
21/06/2024 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR

Conhecida como a “Mãe do Vale do Jequitinhonha”, Minas Novas está investindo em turismo com o apoio do Sistema Faemg Senar e ASCOPI – Associação de Promoção e Apoio a Produção. Após a formação dos condutores de turismo rural feita pelo Senar Minas, o município está mais preparado para atrair visitantes em busca de vivências únicas e inesquecíveis no coração de Minas Gerais.

Turma de novos condutores

Com o apoio da Prefeitura Municipal e Secretaria de Cultura do município, durante três dias a instrutora Gal Bernardo acompanhou a turma de dez participantes. Os novos condutores estão aptos a acompanharem turistas, curiosos, e até mesmo moradores, para desbravarem a história e apreciarem as belezas naturais e movimentos culturais do município.

Com 294 anos de história, a “Mãe do Vale” tem uma importância significativa para Minas Gerais e Brasil. Por lá, já estiveram Joaquim José da Silva Xavier -Tiradentes, líder da Inconfidência Mineira, e Juscelino Kubitschek – JK, na época, presidente do Brasil. O município foi capital nacional por um dia e ainda preserva o primeiro arranha céu do Brasil - o Sobradão de quatro andares, construído em 1821, feito de pau-a-pique e barro.

Sobradão de Minas Novas (Foto: Prefeitura Municipal)

Curso e atividades

A aula prática foi desenvolvida na Trilha do Balneário da Barragem das Almas, com travessia no Rio Fanado, incluindo uma visita técnica no Quilombo do Macuco. Depois, foi demonstrado o turismo de experiência, que ocorreu durante a visitação na propriedade de Levi Oliveira. Ao final do percurso, a instrutora Gal Bernardo frisou que “o município merece ter pessoas capacitadas para o turismo rural e tem perfil para isso”.

O gerente regional do Sistema Faemg Senar em Araçuaí, Luiz Rodolfo Antunes Quaresma, ficou surpreso com o resultado e reconheceu a importância de Minas Novas para a região, frisando que a formação deve “contribuir com a economia da cidade e capacitar os produtores locais, melhorando a oferta de serviços turísticos e experiências de qualidade aos visitantes”.

Barragem das Almas, um dos locais turísticos de Minas Novas

E, se tem turista interessado, a guia Maria Angélica Rodrigues está cheia de vontade e quer entrar de vez para o setor. Ela disse que o curso aprofundou a capacidade de entendimento sobre segurança e meio ambiente, além de oferecer toda a base para a construção de um roteiro.  “Aqui tem muito a oferecer! Somos um povo hospitaleiro, em uma região com belíssimas cachoeiras, fauna, flora, gastronomia diversificada, casarões e igrejas centenárias. Todo mundo precisa conhecer Minas Novas”, disse, entusiasmada.

Sobre Minas Novas

Fundada no século XVIII, durante o ciclo do ouro, o local preserva um patrimônio histórico inestimável, com igrejas coloniais, casarões antigos e ruas de paralelepípedo que relembram um passado centenário.

O reconhecimento pela gastronomia tipicamente mineira e o dom musical de seus artistas, faz com que o destino seja atraente aos olhares curiosos de, principalmente, turistas de outros estados.

}