Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe


Mais uma vez, mineiros garantem medalhas na OBAP

CURSOS TÉCNICOS DO SENAR
ESCRITO POR LÍLIAN MOURA, DE VIÇOSA
15/09/2023 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR

Duas equipes do Curso Técnico em Zootecnia do Sistema Faemg Senar foram medalhistas na 12ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária (OBAP). A equipe do Polo de Viçosa ficou em segundo lugar e a do Polo de Alvinópolis conquistou medalha de bronze com a quinta colocação. Elas se destacaram entre 1500 equipes de todo do país inscritas na competição. A fase final aconteceu de forma presencial com etapas teórica e prática no Instituto Federal de Brasília - Campus Planaltina, de 7 e 10 de setembro.

“Nós tivemos duas colocações expressivas. Isso demonstra a qualidade dos nossos cursos e processos de ensino, e que estamos no caminho certo quanto ao nível das informações e do conhecimento que estamos transmitindo. Aos jovens, nossos cumprimentos pelo êxito”, destacou o superintendente do Senar Minas, Celso Furtado Júnior. 

Equipes em Brasília

Vale destacar que o Sistema Faemg Senar possui mais de 20 Polos de Ensino para Formação Técnica. Cursos Técnicos, na modalidade híbrida, ofertados em parceria com os Sindicatos dos Produtores Rurais e Escritórios Regionais para atender ao meio rural.  E, segundo a gerente de Educação Formal do Sistema Faemg Senar, Tércia Almeida, 15 equipes do Sistema Faemg Senar participaram da primeira fase da Olimpíada.

Para ela, as premiações “consolidam o trabalho e o empenho dos profissionais envolvidos no time da Formação Técnica, evidenciando o alto nível do conteúdo elaborado e ministrado pelos tutores e orientadores das equipes vencedoras”.

Equipe Polo de Viçosa - 2º lugar

Fabiane da Silva Teixeira, Eduardo Rocha Ferreira e Sara Souza Eloi, orientados pela tutora Vilma Matias, formaram a equipe vencedora do polo de Viçosa. “Chegamos ao curso técnico sem saber quase nada da área, o Sistema Faemg Senar foi a nossa porta de entrada para o agro”, contou Sara, satisfeita.

A preparação envolveu grupo de estudos, aulas online, reuniões. Para a segunda fase, a equipe intensificou os estudos nos temas propostos pela OBAP: Calagem e adubação, Preparo de Calda Bordalesa e Regulagem de uma Adubadora e Semeadora, como explicou Vilma Matias.

“Os alunos fizeram uma imersão nos conteúdos e se dedicaram ao máximo nas aulas virtuais e atividades práticas, conforme estratégias organizadas pela equipe”. Ela também destacou a importância das aulas ministradas pelos profissionais Kelsen de Andrade Nether e Antônio Rodrigo da Rocha.

Equipe de Viçosa

Sara Eloi, que iniciou o curso Técnico em Zootecnia em 2022, disse que não conhecia a OBAP, mas se interessou pela proposta apresentada a ela pelo Sistema Faemg Senar.

“A motivação inicial para participar foi a busca por conhecimento. Afinal, era uma oportunidade para me juntar aos colegas de curso, estudar mais sobre a nossa área e aprender novidades, saindo da nossa bolha”.

Mais que a premiação, Sara celebra as conquistas de todo o processo. “Para nós, desde o início, o que importava mesmo era o aprendizado e a experiência, vencer seria uma consequência. Aprendi, junto à minha equipe, que a união faz a força. Sem a nossa união, não teríamos chegado ao pódio”.

O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Viçosa, Carlos Eduardo de Andrade, pontuou a satisfação da entidade em poder proporcionar aos jovens experiências significativas e que podem elevar a agropecuária brasileira. “É maravilhoso saber que as pessoas estão sendo preparadas para aplicar conhecimento tecnológico e gestão com sustentabilidade no campo”.

Carlos lembrou que os futuros profissionais terão que desenvolver as habilidades necessárias “para que os produtores sejam cada vez mais eficientes economicamente, levando em conta os aspectos sociais e ambientais”.

Equipe de Viçosa com a medalha de prata

Equipe Polo de Alvinópolis – 5º lugar

Um grupo de estudos e motivação constante também foram as estratégias usadas em Alvinópolis. A tutora Michele Moreira orientou os estudantes Gustavo Fialho de Souza, Leomar Gonçalves de Oliveira e Natália Paloti de Paiva Monteiro.

Ela enfatizou que participar da OBAP e de outros eventos dessa magnitude é “primordial para o crescimento dos alunos". Michele salientou que “a imersão faz muita diferença na formação desses profissionais, que se formarão com condições de atuar fazendo a diferença no agronegócio”.

A estudante Natália Paloti de Paiva Monteiro disse que o sucesso na OBAP foi fruto do esforço coletivo. E salientou que a equipe representou todos os estudantes do Polo. “O trabalho em equipe foi essencial para que a caminhada fosse mais leve, com muita união, respeito e dedicação, fazendo com que nos mantivéssemos competitivos e confiantes até a última prova. Vibramos juntos a cada pontuação e nos fortalecemos”.

Para Natália, a Olimpíada também trouxe crescimento pessoal e a oportunidade de enriquecimento cultural. “Tive contato com diferentes realidades socioculturais por meio da convivência com estudantes de diversos locais do Brasil e de diversas instituições de ensino”, comentou.

Equipe de Alvinópolis

O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Alvinópolis, Wellington Figueiredo (Nem) lembrou que o Polo na cidade foi inaugurado este ano. “É uma honra para nós, já no primeiro ano, chegar ao pódio de um evento tão importante. Sinal de que estamos no caminho certo”.

Para ele, o resultado “mostra a dedicação e o compromisso que assumimos com a educação. Nós acreditamos que o conhecimento vai transformar o futuro dos jovens e eles também estão comprometidos com isso”. Wellington ainda agradeceu o apoio e a confiança do Sistema Faemg Senar, da equipe do Sindicato e da prefeitura local, parceira nas ações da entidade.

Formação de habilidades técnicas e comportamentais 

A gerente de Educação Formal do Sistema Faemg Senar, Tércia Almeida, ressaltou que a participação dos estudantes na OBAP reforça o objetivo dos cursos técnicos de preparar futuros profissionais que se destaquem no mercado de trabalho não só por suas habilidades técnicas, mas também pelas habilidades comportamentais.

“Focamos nas soft skills, competências subjetivas e muito relevantes para o bom desempenho profissional, como resiliência, colaboração, flexibilidade, trabalho, pressão, comunicação, resultado, liderança, engajamento e empatia”, explicou Tércia.

Para ela, o objetivo da OBAP de estimular e incentivar a participação em atividades de iniciação científica, produção de tecnologia, colocando os participantes em situações desafiadoras e estimulando a cooperação e a integração entre eles corrobora esse processo. Além de “retornar para a sociedade os benefícios originados da melhoria no ensino ligados à agropecuária”.

Equipe em prova prática

Sucesso

Este é o segundo pódio consecutivo dos cursos técnicos do Sistema Faemg Senar na competição. Em 2022, a entidade participou pela primeira vez da Olimpíada Brasileira de Agropecuária com destaque para a participação dos alunos do Polos de Ensino de Barbacena e Corinto.

Desta vez, as equipes vencedoras são de cidades que integram o Escritório Regional de Viçosa. O gerente regional, Marcos Reis, afirmou a satisfação com o resultado e reforçou que “a conquista é mérito do engajamento de todos os envolvidos, desde os estudantes e tutores aos Sindicatos e equipe do Sistema Faemg Senar”.

}