Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Meio Ambiente

Acesse informações técnicas sobre a gestão ambiental na atividade agropecuária em Minas Gerais.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Apicultor cria carrinho para transporte de melgueiras

ATEG
ESCRITO POR ANA MEDEIROS, DE MONTES CLAROS
12/04/2021 . SISTEMA FAEMG, SENAR

É tempo de colheita do mel. Assim como em toda a cadeia produtiva, essa fase também exige boas práticas para preservar a qualidade do produto e suas características originais, bem como uma coleta eficiente. O transporte das melgueiras do apiário até a casa do mel é uma dessas etapas. Para facilitar e garantir mais segurança no trajeto, o apicultor José Nilton dos Santos, da comunidade Serra Negra, em São João da Ponte, criou um carrinho artesanal feito com sobras de madeira e uma roda de motocicleta. 

Há pouco mais de um ano, José Nilton resolveu investir na apicultura para fortalecer a agricultura familiar. Antes disso, para sustentar a casa, o trabalhador rural costumava viajar para o Triângulo Mineiro durante a colheita de café ou fazia algum serviço em fazendas próximas de onde mora. Em outubro de 2019, ele participou do curso sobre processamento de mel e cera, promovido pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de São João da Ponte. Já em novembro de 2020, o apicultor começou a ser atendido pelo Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG).

“Durante esse tempo, foram aprimorados os manejos da troca de cera, enumeração das colmeias para identificar quais estão produzindo, além de anotações dos custos e receitas, pois, antes do ATeG, ele não tinha noção do quanto a atividade gerava de lucro”, explicou o técnico de campo Alex Sandro Santa Rosa.

Atualmente, José Nilton conta com 11 colmeias povoadas e vai para a sua segunda colheita. Com as orientações do técnico, o apicultor dobrou a produção. No ano passado, colheu 100 quilos de mel, e agora, no início da colheita, já foram coletados 210 quilos. Foi quando ele resolveu criar um veículo próprio para transportar as melgueiras. “Antes ele fazia o transporte com o carrinho de mão e não dava para transportar mais de uma melgueira, correndo o risco de cair por não ser adequado para o transporte”, contou o técnico.

O carrinho é simples, mas, com ele, o apicultor consegue transportar até quatro melgueiras de uma vez, com segurança. “Esse carrinho é mais fundo e reto, não balança e suporta mais peso, até 45 quilos”, detalhou o produtor. A inovação facilitou a lida no campo e diminuiu o tempo de carregamento e de transporte. O trajeto é de, pelo menos, 500 metros de distância. As melgueiras são cobertas com bandejas galvanizadas para proteger os favos operculados, evitar a entrada de abelhas e de poeira e, com isso, garantir a qualidade do mel.