Marketing digital para produtores rurais: como utilizar as redes sociais para potencializar os negócios

Você sabe usar as redes sociais para chegar aos seus clientes? Hoje, elas ligam o campo à cidade e se tornaram ainda mais importantes neste período de isolamento, em decorrência da pandemia da Covid-19. E compradores de todos os produtos do agronegócio – queijos, iogurtes, cafés, hortaliças, cachaça, entre outros –, estão presentes nos canais disponíveis virtualmente. Em mais uma Live no YouTube, em comemoração à Semana do Produtor Rural Mineiro, equipe da Coordenadoria de Comunicação / Inovação e Conhecimento do Sistema FAEMG/SENAR/INAES apresentou ferramentas e dicas para usar a chamada mídia digital e obter os melhores resultados. Os jornalistas Cristiane Mendonça, Flávio Amaral e Janaina Rochido explicaram quais são essas redes, como melhor utilizá-las, onde está o público, horários mais adequados, erros que podem ser evitados e temas que devem ser abordados para fisgar esses consumidores dos produtos do agro. Dicas e cases também enriqueceram a apresentação.

Outros destaques da Live

FLÁVIO AMARAL

O marketing está presente na vida de todos nós, seja do público rural ou do urbano. O marketing faz parte das nossas vidas, querendo ou não.”

O marketing é um conjunto de processos que tende a reduzir o esforço de venda.”

Precisamos conhecer o comportamento do nosso consumidor. Você conhece o seu público consumidor? Isso é muito importante. É primordial para pensar as estratégias.”

Há uma mudança muito grande na interação que o público faz com o prestador de serviços.”

O público está lá 24 horas por dia e sua marca está lá, exposta 24 horas por dia.”

Todos estão buscando um caminho novo neste, novo momento. É uma novidade para todo mundo. As pessoas estão mudando seu comportamento.”

É o novo normal. As pessoas estão cada vez mais serão conectadas à internet e consumindo através desses canais.”

Você vai adaptar a forma de comunicar, sua linguagem, ao seu público.”

É importante estudar o nosso público consumidor sem nenhum tipo de preconceito.”

Por que não se reinventar?”

Pensar na estratégia de marketing digital, em redes sociais, é pensar em inovação, em como vai transpor as dificuldades para alcançar seu público através de uma comunicação assertiva.”

 

CRISTIANE MENDONÇA

O WhatsApp tem 2 bilhões de usuários em todo o mundo e 130 milhões no Brasil. Quase todo mundo que a gente conhece utiliza o WhatsApp.”

Por que não ter o WhatsApp como uma ferramenta poderosa de divulgação dos nossos produtos e serviços?”

Se não faz uso ainda está perdendo uma ferramenta gratuita, acessível e que quase todo mundo utiliza.”

Muitos empreendedores não construíram um banco de dados com o WhatsApp de seus clientes. Se não tem este hábito, passe a fazer.”

Ninguém quer ser importunado o tempo inteiro.”

Vai entrar em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados e lojas têm que garantir que estão enviando informações para os seus clientes com autorização deles.”

Escolha um dia e horário na semana para enviar as informações. Tenha bom senso.”

Da mesma forma que você não gosta de importunar as pessoas, você não vai importunar o seu cliente.”

O marketing digital para pequenos empreendedores é experimentação.”

Status e WhatsApp Business são ferramentas interessantes do WhatsApp.”

Se você conhece o seu cliente, sabe para quem está vendendo, às vezes o seu público pode estar no Facebook.”

Crie uma relação de confiança com o seu cliente.”

Tenha uma página, replique também no seu perfil pessoal do seu Facebook. E crie um grupo.”

Cada rede social tem uma característica. WhatsApp é imediatista. Facebook é texto com imagens. Instagram tem que caprichar nas imagens. É uma rede social visual.”

Conte história de pessoa para pessoa. Nas redes sociais é como na vida real. As pessoas gostam de uma boa prosa.”

Não tenha medo de experimentar.”

O conteúdo sempre será o rei de qualquer rede social.”

 

JANAINA ROCHIDO

O cliente digital sempre esteve aí. Antes da pandemia ele já estava e agora está em mais evidência. É o canal que as pessoas têm para se interagir com o isolamento.”

As redes sociais e internet são os canais que as pessoas têm para falar com a gente.”

O cliente 3.0 confia mais na opinião das pessoas do que na propaganda.”

O cliente insatisfeito fala pra muito mais gente que o insatisfeito. Tenha isto em mente.”

Como você vai lidar com este cliente? Você tem que conhecer este público.”

Cerca de 70% das interações pela internet são feitas por smartphone.”

Qual o melhor horário para você postar?”

Quanto maior a chance de vocês se verem no mesmo horário, maior a chance do cliente te notar.”

A mídia digital não matou as mídias tradicionais. Todas elas têm o seu espaço.”

Repare se naquele horário você foi bem visto.”

Faça teste, experimentação.”

O posicionamento da marca é muito importante. Tem a ver com o valor e a forma como o seu cliente se conecta com você e se isso vai reverter em venda.”

Muito cuidado com o que o que você fala na rede social.”

O que eu quero que as pessoas vejam? Como vou estar conectada? Qual o valor que eu quero passar?”

Tenha coerência no seu posicionamento.”

O mesmo comportamento bacana que tem cara a cara, tenha ele na rede social.”

Estamos em um contexto de ânimos acirrados. Evite posicionamento político, religiosos, crenças e coisas do tipo em redes sociais.”

Na dúvida, não poste. Se levanta uma polêmica pode estar afastando uma parcela de público que era potencial.”

Marca e dono andam juntos. Não ache que você vai postar uma coisa na sua rede social e isto não vai impactar em sua marca.”

Muito cuidado com o seu perfil social e o perfil da sua marca.”

Devemos agir da forma com gostaríamos que agissem com a gente. O seu cliente quer isso.”

Tenha educação e seja disponível.”

O SENAR tem cursos de gestão de marketing. Se já conhece o SENAR e é produtor rural procure o seu sindicato rural para ver como faz para fazer os cursos.”

Assista a live completa no link: