até
segunda-feira, 21 de setembro de 2020
Agro.BR e NovoAgro: programas abrem novos horizontes para apicultores e fruticultores do Norte de Minas
Cecília Oliveira, de Montes Claros

Apicultores de Bocaiuva e Guaraciama e fruticultores de Janaúba, Jaíba e Matias Cardoso foram apresentados ao Programa Agro.BR, que visa viabilizar a geração de negócios internacionais para pequenos e médios produtores rurais, e ao NovoAgro Ventures e as suas oportunidades de investimentos, que incentivam a criação de startups que busquem soluções para o setor.

Eles participaram de reuniões na última semana com o gerente Regional do Sistema FAEMG/SENAR/INAES em Montes Claros, Dirceu Martins, com o consultor da CNA para o Programa Agro.BR, Ricardo Abreu, e o CEO da FCJ Venture Builder, Leonardo Dias. Representantes de associações de produtores, Sindicatos Rurais e entidades governamentais que dão suporte à produção agrícola na região também acompanharam os encontros, classificados por todos como “muito produtivos”.

Reunião no Sindicato dos Produtores Rurais de Janaúba

“Receptividade maravilhosa”

Ricardo disse que retornou da viagem bastante animado e motivado de ver “esse excelente trabalho realizado por esses grupos de produtores, que já se posicionaram na região com vistas a conquistar novos mercados para os produtos mineiros e brasileiros. Nós acreditamos no agro e acreditamos no produtor mineiro". Para Leonardo Dias, que viajou com o NovoAgro Ventures pela primeira vez, a receptividade foi excelente e “foi importante para validar que estamos no caminho certo e no momento certo. O produtor está numa expectativa muito grande de receber as soluções do projeto”, analisa.

“O produtor já usa tecnologia, como WhatsApp e drones, mas tem muito mais, como rastreabilidade e compras coletivas. Nosso foco agora será trabalhar o pequeno e médio produtor que já tem alguma vivência e abertura com tecnologia” explica, acrescentando que a próxima visita já incluirá as start ups para apresentar as “provas de conceito”. Leonardo ainda ressalta a importância dos técnicos do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) no processo, “para que eles possam acompanhar o desempenho dos produtores na ponta”.

Possibilidades para a apicultura

Para o presidente da Coopemapi, Luciano Fernandes, a reunião foi excelente, principalmente neste momento em que estão iniciando no processo de exportação. Para ele, o Norte de Minas vai ganhar muito com essas parcerias, que já conta com a do Sistema FAEMG com seus cursos e programas. Ele ficou satisfeito em saber que a evolução do agronegócio no Norte de Minas está atraindo a atenção para novos investimentos. “Com o Agro.BR e com os fundos de investimentos da FCJ, a cadeia produtiva do mel na região vai se fortalecer. E a hora não poderia ser melhor, pois estamos nos preparando para quadriplicar nossa produção", disse.

Visita e reunião na Coopemapi

Também participaram da reunião na sede da Coopemapi o chefe da Unidade de Desenvolvimento Territorial da Codevasf em Minas Gerais, Alex Demier, a assessora Márcia Versiani, representando o Idene, e Júlio César Pereira, técnico de campo do Programa de Assistência Técnica e Gerencial - ATeG/Apicultura.

Fruticultura certificada

Para Nilde Lage, presidente Associação Central dos Fruticultores do Norte de Minas (Abanorte), os fruticultores norte mineiros terão a oportunidade de internacionalizar seus negócios com o apoio do Programa Agro.BR. “O Norte de Minas já possui fruticultores certificados Global Gap, protocolo baseado em boas práticas agrícolas, sustentabilidade ambiental e responsabilidade social, que estão ávidos para acessar esses mercados”.

O eixo Janaúba/Jaíba é um importante polo de produção de frutas e tem sido referência por se consolidar com novas tecnologias de cultivo. O próximo passo agora é a obtenção do título de indicação geográfica de produção de frutas. “Diante desse novo cenário disruptivo, conhecer o NovoAgro Ventures trouxe possibilidades para os desafios vivenciados pelos associados da Abanorte”, comentou Nilde.

Fruticultores participam da reunião na sede da Aslim - à frente, a partir da esquerda: Dirceu Martins, Ricardo Abreu e Leonardo Dias

Em Janaúba, a reunião foi na sede do Sindicato dos Produtores Rurais e contou com a presença representantes de associações de produtores de frutas, diretores de agroindústrias e produtores. No projeto de irrigação do Jaíba, o encontro foi na sede da Associação dos Produtores de Limão (Aslim), com a presença de produtores, do presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Jaíba e Matias Cardoso, Ciro Souza de Paula, e do presidente da Aslim, Cláudio Dwkstra.

Cadeias preparadas para a exportação

Segundo o consultor da CNA, Ricardo Abreu, a viagem ao Norte de Minas foi muito próspera. “O que percebemos é as cadeias do mel e de frutas já estão bastante preparadas para iniciar exportações. Tivemos uma boa surpresa com a preparação da infraestrutura das cooperativas realizadas pela Codevasf e Idene e com os padrões de qualidade bastante significativos, que já permitem acesso a diversos mercados mundiais”.

Segundo o gerente regional Dirceu Martins, o Sistema FAEMG/SENAR/INAES vem investindo nessas cadeias produtivas, orientando e levando novas tecnologias e conhecimentos aos produtores para que possam produzir mais e com qualidade. Em parceria com os sindicatos rurais, a entidade desenvolve na região diversos treinamentos e o Programa de Assistência Técnica e Gerencial - ATeG com destaque para as áreas de apicultura e fruticultura, que já apresentam aumentos de mais de 100% na produção.

O Norte de Minas é uma potência na produção apícola e de frutas. Segundo dados da Cooperativa dos Pequenos Produtores de Mel do Norte de Minas (Coopemapi), a região produz atualmente cerca de 1,2 mil toneladas de mel, com perspectiva de chegar a 5 mil toneladas até 2026.  A produção de frutas soma cerca de 856 mil toneladas por ano, sendo as principais banana (550 mil toneladas), manga (165 mil), mamão (90 mil) e limão (50,6 mil), com expectativa de crescimento com a implantação do Projeto de irrigação Jaíba 2 e a criação do Projeto Jequitaí, como informa a Abanorte.

Últimas notícias publicadas
23/10/2020 Programa FIP Paisagens Rurais começa atendimento a mais 800 produtores na Bacia do Rio Tijuco
23/10/2020 Mulheres do café do Sul de Minas buscam conhecimento na gestão comercial
23/10/2020 Sistema FAEMG promove live na 25ª FENICS sobre soluções tecnológicas para o agro
23/10/2020 Arteiras da Canastra conquistam clientes pelo Guia Virtual do Empório SENAR MINAS
23/10/2020 Conhecimento, apoio e empreendedorismo: conheça a Cafeteria Café do Sonho
23/10/2020 Simulados demonstram na prática técnicas de prevenção e combate a incêndios em canaviais
22/10/2020 Programa ATeG em Turmalina vai fortalecer fruticultura
21/10/2020 Produtores fazem sucesso com linguiças em Guaxupé
21/10/2020 Trabalhadores aprendem a combater formigas para proteger eucaliptos
21/10/2020 Rota turística Caminhos de São Tiago deve ser lançada ainda este ano
Ver todas
FAEMG
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3000
E-mail: faemg@faemg.org.br
Senar Minas
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3074
E-mail: senar@senarminas.org.br
INAES
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3109
E-mail: inaes@inaes.org.br
Sindicatos
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3028
E-mail: asind@faemg.org.br