até
terça-feira, 24 de março de 2020
Produtores assistidos pelo ATeG fazem coleta de água e solo para análise na UFV de Florestal
Josiane Moreira, de Sete Lagoas

A partir da parceria firmada com a UFV/Campus Florestal, deu-se início, neste mês, a coleta das amostras para análise da água de todas as propriedades dos 29 pequenos e médios produtores dos municípios de Florestal, Nova Lima, Rio Acima, Betim, Esmeraldas e São Joaquim de Bicas, atendidos pelo Programa de Assistência Técnica e Gerencial – ATeG do Sistema Faemg/Senar Minas na cadeia de olericultura, sendo a maior parte ligada a orgânicos e agroecológicos.

Devido às variações com o tempo seco e chuvoso, o solo é avaliado a cada 6 meses e a água, uma vez por ano, em épocas diferentes. Segundo a mobilizadora da FUNARBE, Dirce Bezerra, o termo de cooperação favorece a utilização do Laboratório de Solos e Química da universidade, com o auxílio de técnicos e universitários para que, a partir dos resultados, o cultivo aconteça de maneira mais contínua e saudável. “Os produtores recebem treinamento e orientação sobre como fazer a coleta e identificação do tipo de análise de interesse para o grupo. Os primeiros resultados do solo já foram liberados e estão sendo utilizados para recomendação de adubação”, contou Dirce.

A técnica de campo Fernanda Almeida acompanha o grupo. Segundo ela, o programa se diferencia pela continuidade, com visitas mensais e assistência gerencial, fazendo com que o produtor enxergue sua propriedade como um empreendimento e encontre soluções que impactam em diversos aspectos. “Destaco algumas ações e mudanças positivas ao longo desse período, como a troca de produtos e comércio entre os próprios membros, compras coletivas de sementes e defensivos para redução de custo e melhoramento da parte gerencial com anotação e controle de receitas e despesas”. 

Faz parte do programa o diagnóstico produtivo individualizado, orientação e adequação tecnológica da atividade. A parceria com a universidade e as coletas nas propriedades rurais se estendem até o final do programa, previsto para julho de 2021. “Baixo custo e apoio teórico na interpretação dos resultados para medidas mais assertivas. As duas entidades ganham com essa integração. A universidade passa a ter uma visão prática e aplicável de como é utilizada a água na irrigação, agricultura e os produtores são orientados com base em dados específicos da localidade”.

Últimas notícias publicadas
02/04/2020 Turismo Rural: Para ajudar empreendedores, instrutora grava vídeo com dicas para se reinventar na quarentena
02/04/2020 Laticinista de Maripá de Minas destaca a importância do SENAR para a expansão do seu negócio
02/04/2020 Produtores rurais apostam no delivery em Divinópolis
01/04/2020 SENAR MINAS capacita moradores de Uruana de Minas para o turismo rural
01/04/2020 Agricultores familiares de Passa Vinte diversificam atividade rural com ajuda de cursos do SENAR
01/04/2020 Produtores de morango de Datas ajustam técnicas com Programa de Agricultura Irrigada
31/03/2020 Produtores rurais do Norte de Minas se preocupam com fechamento do comércio por mais tempo
31/03/2020 Vale do Jequitinhonha recebe mais de 220 cursos do SENAR em três meses
31/03/2020 Orgulho: Casal faz quadro e emoldura certificados de treinamentos do SENAR
31/03/2020 "Flores da Terra": Curso do SENAR leva resgate cultural e financeiro a comunidade de Turmalina
Ver todas
FAEMG
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3000
E-mail: faemg@faemg.org.br
Senar Minas
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3074
E-mail: senar@senarminas.org.br
INAES
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3109
E-mail: inaes@inaes.org.br
Sindicatos
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3028
E-mail: asind@faemg.org.br