até
segunda-feira, 3 de junho de 2019
Artesãs de Delfinópolis vão expor na Feira da Banana
Denise Bueno, de Passos

O município de Delfinópolis, localizado no sudoeste de Minas Gerais, é reconhecido pela sua produção de bananas e está classificado como o segundo maior produtor da fruta no estado de Minas Gerais, com produção anual de 800 mil toneladas. A cultura superou, no município, outros setores do agronegócio e seus subprodutos já atraíram a atenção dos artesãos. O Sistema Faemg/Senar Minas, em parceria com Associação Comercial Industrial Agropecuária e Serviços de Delfinópolis realizou, na última semana de maio, o curso de Artesanato de Fibras Naturais (Flexíveis) / Peças Utilitárias e Decorativas, para aproveitamento da palha da banana.

O curso foi solicitado pela então vice-presidente da Associação dos Produtores de Banana de Delfinópolis (ADELBA), Maria Letícia Rosa, atual tesoureira da entidade. Segundo ela, na Feira da Banana de 2018, artesãs de Maria da Fé expuseram seus produtos com fibra de bananeira e esse foi o grande incentivo para as artesãs do município. Por isso, a solicitação para aperfeiçoamento e formação de novas artesãs que, no evento de 2019 vão expor seus produtos. “O resultado dessa capacitação foi excelente. Estamos satisfeitos e pretendemos fazer novas formações em parceria com o Senar, para que na próxima Feira já tenhamos uma quantidade significativa de artesanato para comercialização”.

A capacitação antecedeu a 3ª Feira da Banana que acontece de 05 a 08 de junho.  O evento realizado pela ADELBA oferece palestras, dia de campo, exposição de maquinários, eleição da princesa e rainha da festa e outras atrações. A novidade da edição de 2019 será o lançamento da marca coletiva da banana produzida no município da Serra da Canastra, ação resultada da parceria da Adelba com o SEBRAE. 

Artesãos

O instrutor João Martins da Mata Neto, que já realizou outros cursos no município, acredita no potencial desse artesanato destacando três fatores: a disponibilidade do produto; o crescente interesse dos artesãos na atividade e o potencial turístico de Delfinópolis; município banhado pelas águas da Represa Mascarenha de Morais e que atrai turistas de todo país. Integrante do circuito turístico Nascentes das Gerais tem como principal atração o Complexo do Claro, um conjunto de cachoeiras localizadas próximas ao centro da cidade.

Na capacitação, João trabalhou somente o subproduto da bananeira e o resultado dos trabalhos é surpreendente. De uma bananeira pode ser retirado à fibra, rendas e tecidos que são trabalhados em várias formas de artesanato.

A artesã Carina Fátima de Souza Melo, que juntamente com outras nove artesãs mantêm o espaço denominado “Mãos da Canastra”, onde comercializam diversos tipos de artesanato com o apoio da prefeitura, participou do curso e adorou. Segundo ela, foi possível conhecer uma diversidade de produtos a serem trabalhados com a bananeira. Carina também destacou o resultado imediato para ela e outras artesãs que já comercializaram peças e receberam encomendas. “Nós temos um grande potencial e produto de sobra para trabalhar. Precisamos nos capacitar mais, aperfeiçoar a técnica. Este curso foi muito próximo da Feira da Banana, mas para o próximo ano teremos muitos produtos e novidades”, concluiu a artesã.

Últimas notícias publicadas
21/02/2020 Sistema FAEMG / SENAR MINAS e Embrapa discutem novo acordo de cooperação e programação da SIT 2020
21/02/2020 GQC: cafeicultores apostam na gestão para alavancar o negócio rural
21/02/2020 Cursos ensinam produtores do Sul de Minas a fabricarem queijos básicos e especiais
21/02/2020 Moradores de Brasópolis passam por curso de Prevenção de Acidentes e Primeiros Socorros
21/02/2020 Regional de Passos realiza reuniões sobre o Programa ATeG
21/02/2020 Criatividade: Instrutor cria sistema com garrafa pet para manter mudas sempre irrigadas
20/02/2020 Negócio Certo Rural levará orientações e consultorias para produtores de café de Divino
20/02/2020 Programa ATeG: Encontros definem novas diretrizes de trabalho na Regional de Montes Claros
20/02/2020 Curso A Arte de Ser Adolescente agrada jovens em Itaobim
20/02/2020 Programa ATeG: Produtores de leite se reúnem em Araçuaí
Ver todas
FAEMG
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3000
E-mail: faemg@faemg.org.br
Senar Minas
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3074
E-mail: senar@senarminas.org.br
INAES
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3109
E-mail: inaes@inaes.org.br
Sindicatos
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3028
E-mail: asind@faemg.org.br